Česká města
Zahraniční města

Semanas

REPÚBLICA CHECA

 

Os poemas épicos de Olga Stehlíková, incluídos na antologia Poetas Checos Contemporâneos, inspiram-se em situações quotidianas que a tocam direta ou indiretamente. São versos sinceros e corajosos, e daí fortes e frescos, reflexões autobiográficas sobre o equilíbrio da vida, raízes, experiências de iniciação, certezas e erros. As ideias e os sentimentos apresentam-se ora sob a forma de jogo e estilização distintiva, com mudanças repentinas na ênfase (som, imagem), no estilo, na perspetiva do falante (um diálogo típico, enfatizado por meios tipográficos) e com o recurso à prosaização ou lirização, ora como
mensagens relevantes no estilo de alto nível, numa orquestração «retumbante» que é cada vez mais comum na poesia checa contemporânea.